Este site usa cookies. Ao continuar a navegar no site, você concorda com o uso de cookies.

Febre Amarela

Doses

12/01/18

Certificado para viagem só será emitido com dose padrão de vacina da febre amarela, diz Anvisa.
No ato da vacinação, viajantes devem apresentar comprovante de viagem para receber dose de 0,5 ml.

Pessoas que vão viajar para áreas que exigem o Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia, o CIVP, devem tomar a dose inteira da vacina da febre amarela (0,5 ml) -- e não a dose fracionada, de 0,1 ml, que será aplicada em algumas regiões do país.

"Não será emitido CIVP, em hipótese alguma, para quem apresentar comprovante de vacinação com etiqueta referente a dose fracionada", diz nota da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

A agência lembra que as vacinas têm um período para atingir a proteção esperada, que pode variar entre dez dias e seis semanas.

"No caso da vacinação contra febre amarela, o não cumprimento do prazo de proteção pode impedir sua entrada em alguns países. Por isso, vacine-se com antecedência", avisa a agência.

 

Atenção

Febre Amarela

09/06/17

Por recomendação da OMS, informamos aos passageiros que viajam do Brasil para alguns países do Caribe, América Central, América do Sul e África do Sul que é obrigatório a apresentação do certificado internacional de vacinação de febre amarela com antecedência de 10 dias à saída do seu voo.
ANTEÇÃO: Devido ao surto da doença nos estados de Minas Gerais, São Paulo e Bahia, alguns países poderão exigir a vacina a qualquer moimento, por isso recomendamos que para todas as viagens internacionais originadas no Brasil, o passageiro consulte a embaixada ou o consulado do país de destino.